Fim dos cookies de terceiros: saiba o que muda e como se adaptar

Gostou desse conteúdo? Compartilhe!

Fim dos cookies de terceiros: saiba o que muda e como se adaptar

fevereiro 28. 2024

Nos últimos anos, os cookies de terceiros desempenharam um papel fundamental no rastreamento do comportamento dos usuários na web, permitindo que empresas e anunciantes direcionassem anúncios de forma mais precisa e eficiente. 

No entanto, com as crescentes preocupações com a privacidade dos dados dos usuários, grandes empresas de tecnologia, como o Google, anunciaram o fim do suporte aos cookies de terceiros em seus navegadores. 

Área de trabalho de escritório com um laptop e um óculos
Área de trabalho de escritório com um laptop e um óculos

Mas o que isso significa para o marketing digital e como as empresas podem se adaptar a essa mudança? É o que veremos neste artigo.

O que são cookies de terceiros?

Cookies de terceiros são pequenos arquivos de texto que são armazenados no navegador do usuário quando ele visita um site específico, mas que são gerados por um domínio diferente daquele que está sendo visitado naquele momento. 

Enquanto os cookies de primeira parte são criados pelo próprio site que o usuário está acessando, os de terceiros são gerados por outras empresas, como redes de publicidade ou empresas de análise de dados, que têm presença em diversos sites.

Esses cookies desempenham um papel importante no rastreamento do comportamento dos usuários na web e na coleta de informações sobre suas preferências, interesses e atividades de navegação. 

Um bom exemplo do que estamos falando acontece quando um usuário visita um site de notícias e é apresentado a um anúncio de um produto que ele recentemente pesquisou em outro site. Isso geralmente é possível devido aos cookies de terceiros. 

Isso porque, como mencionamos anteriormente, esses cookies permitem que os anunciantes rastreiem o comportamento dos usuários em vários sites e criem perfis detalhados de suas preferências e interesses. A partir disso, eles passam a fornecer anúncios direcionados aos usuários com base em seus hábitos de navegação, permitindo uma experiência mais personalizada e relevante.

O fim dos cookies

Embora os cookies de terceiros desempenhem um papel importante na personalização da experiência do usuário e no direcionamento de anúncios mais relevantes, também têm sido objeto de preocupações crescentes com a privacidade dos dados. 

Muitos usuários estão cada vez mais conscientes dos riscos associados ao rastreamento de suas atividades na web, principalmente após a publicação da LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados) e dos crescentes números de ataques cibernéticos no Brasil e no mundo afora.

Graças a isso, grandes empresas de tecnologia, como o Google, anunciaram o fim do suporte aos cookies de terceiros em seus navegadores. 

Impactos do fim dos cookies de terceiros no marketing digital

O fim dos cookies representa uma mudança significativa no marketing digital. Afinal, isso impacta diretamente a forma como as empresas coletam dados, segmentam seu público-alvo e direcionam suas campanhas de publicidade. 

Para os profissionais de comunicação, essa mudança tem impactos profundos exige uma adaptação estratégica para continuar alcançando os consumidores de forma eficaz. Vamos explorar os principais impactos dessa transição: 

Dificuldade em rastrear o comportamento do usuário

Sem os cookies de terceiros, será mais difícil para as empresas rastrearem o comportamento dos usuários na web, o que pode afetar a eficácia das campanhas de marketing e publicidade direcionadas.

Menos segmentação e personalização

Sem acesso aos dados coletados pelos cookies, as empresas terão dificuldade em segmentar e personalizar suas campanhas de marketing, o que pode resultar em anúncios menos relevantes para os usuários.

Impacto nas métricas de análise

O fim dos cookies de terceiros também pode afetar as métricas de análise das empresas, tornando mais difícil medir o desempenho das campanhas de marketing e entender o comportamento dos usuários.

Com isso, as empresas precisarão encontrar novas maneiras de avaliar o sucesso de suas estratégias de marketing e obter insights valiosos sobre o envolvimento do usuário e o retorno sobre o investimento.

Como se adaptar ao fim dos cookies de terceiros?

Diante desses desafios, as empresas precisam adotar novas estratégias para proteger os dados dos usuários e continuar a alcançar seu público-alvo de forma eficaz:

Investir em conteúdo orgânico

Em vez de depender exclusivamente de publicidade direcionada, as empresas podem investir em conteúdo orgânico, como blogs, vídeos e redes sociais, para atrair usuários de forma mais natural e criar relacionamentos significativos com o público-alvo. 

Explorar alternativas de segmentação

Além dos cookies de terceiros, as empresas podem explorar outras formas de segmentação de público-alvo, como dados de primeira parte, segmentação contextual e estratégias de marketing baseadas em interesses declarados pelos próprios usuários. 

Adotar tecnologias alternativas

Existem várias tecnologias alternativas emergentes, como identificadores unificados de dispositivos e gráficos de privacidade, que podem ajudar as empresas a continuar direcionando anúncios de forma eficaz sem depender dos cookies de terceiros. E o que é melhor: garantindo a proteção dos dados dos usuários.

Manter a ênfase na privacidade e transparência

Com o fim dos cookies de terceiros, as empresas e agências de marketing e publicidade precisarão ampliar o foco na privacidade dos dados dos usuários, priorizando a transparência e a proteção das informações em suas estratégias de marketing. 

Isso inclui obter o consentimento dos usuários para o uso de seus dados, garantir que os dados sejam armazenados e utilizados de forma segura e ética, e fornecer opções claras para os usuários controlarem suas preferências de privacidade.

Dispositivo protegido por segurança cibernética
Dispositivo protegido por segurança cibernética

Conclusão

Embora o fim dos cookies de terceiros represente um desafio significativo para o marketing digital, também oferece uma oportunidade para as empresas repensarem suas estratégias e adotarem abordagens mais centradas no usuário e na privacidade dos dados. 

Ao investir em conteúdo orgânico, priorizar a transparência e explorar alternativas de segmentação, as empresas podem se adaptar com sucesso a essa mudança e continuar a alcançar seu público-alvo de forma eficaz no mundo pós-cookie.

Gostou deste artigo? Então compartilhe-o em suas redes sociais para que mais pessoas continuem a alcançar seu público-alvo de forma eficaz nesse novo cenário do marketing digital.

Últimos posts

Técnicas de Marketing para Retenção de Clientes
Leia mais
A Ascensão do Marketing de Experiência
Leia mais
Marketing de Conteúdo no LinkedIn: Dicas e Táticas
Leia mais
Publicidade Programática: Como Funciona e Vantagens
Leia mais

Assine nossa newsletter

NEWSLETTER

Pular para o conteúdo